Vice-presidente de Produtos da Abrac participa de Workshop de Avaliação da Conformidade Brasil-EUA

Coube ao vice-presidente de Produtos da Associação Brasileira de Avaliação da Conformidade (Abrac), Marcos Zevzikovas, representar a entidade no segundo dia do Workshop de Avaliação da Conformidade Brasil-EUA, realizado nesta quarta-feira (23), pela Administração de Comércio Internacional do Departamento de Comércio dos Estados Unidos da América e pelo Ministério da Economia do Brasil.

marcos

Zevzikovas participou do painel de perspectivas sobre avaliação da conformidade e explicou as diferenças entre os programas do Brasil e dos Estados Unidos.  Segundo ele, os testes realizados em produtos brasileiros seguem padrões definidos pela International Laboratory Accreditation (ILAC); Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT); International Electrotechnical Commission (IEC); e International Organization for Standardization (ISO). Já nos Estados Unidos, o parâmetro é indicado pela Occupational Safety and Health Administration (OSHA), UL Lab, Control Self Assessment (CSA), American National Standards Institute (Ansi), Institute of Electrical and Electronics Engineers (IEEE), e pela ISO.

Sobre as avaliações dos produtos, ele ressaltou que os brasileiros realizam uma vez ao ano e os americanos semestralmente. Além disso, no Brasil, há a implementação da logomarca do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e do Organismo de Certificação de Produto (OCP), e nos Estados Unidos, apenas do OCP.

A última diferença destacada pelo vice-presidente foi a validade da certificação. Nos produtos americanos, em caso de alteração do item, é necessário um novo certificado, já no Brasil, a certificação ocorre em três ou cinco anos.

Participaram do painel a diretora do U.S. Business Council, Renata Vasconcellos; o representante da Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos, Brian Krausz; a analista do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), Danielle Assafin Vieira; o vice-presidente da Intertek, Paul Moliski; a chefe de Regulamentos e Normas Globais da Philips, Elisabeth  George; a gerente de Relações Públicas da Mary Kay, Theresa Flores; e o assessor do Departamento de Tecnologia e Política Industrial da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), Fabián Yaksic.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Abrac