Thiago Doretto é o novo vice-presidente de Laboratórios da Abrac

Vice-presidência de Laboratórios da Associação é composta por integrantes do Labelo, SCITEC e SGS

A Associação Brasileira de Avaliação da Conformidade (Abrac) conta com um novo vice-presidente de Laboratórios, Thiago Doretto. O diretor de unidade de negócios da SGS atuará junto aos outros dois vice-presidentes da área: Darlan Dallacosta (SCITEC) e Israel Teixeira (Labelo).

Com exclusividade, a Abrac entrevistou o novo vice-presidente, que comentou sobre as suas expectativas, o segmento de laboratórios, a importância da entidade, entre outros tópicos.

Leia na íntegra.

Abrac – Quais são as suas expectativas em fazer parte da vice-presidência de Laboratórios da Abrac?

Thiago Doretto – Trabalhar em conjunto com os demais membros da Abrac na melhoria contínua dos alinhamentos técnicos entre todos os laboratórios associados, avaliar as tendências do nosso segmento, compartilhar conhecimento e práticas de laboratórios internacionais e continuar atuando de maneira ativa para que os consumidores continuem tendo acesso a produtos cada vez mais seguros, seguindo padrões nacionais e internacionais de qualidade. 

Abrac – Como avalia a importância dos laboratórios se associarem à entidade?

Thiago Doretto – Considero este item extremamente relevante e gostaria de estimular que mais laboratórios se tornem membros da Abrac, não somente laboratórios de terceira parte, mas também laboratórios de fabricantes (primeira parte). Certamente este envolvimento irá reforçar conceitos técnicos entre todos os envolvidos e aumentará ainda mais a credibilidade do processo de ensaios laboratoriais no Brasil.

Abrac – A Abrac está presente nos debates das principais pautas relacionadas à avaliação da conformidade. No seu ponto de vista, qual a importância da entidade estar tão presente nessas ações?

Thiago Doretto – A Abrac tem atuado de maneira bastante dinâmica em todas as pautas relacionadas à avaliação da conformidade no Brasil, esta participação ativa é essencial para o sistema de avaliação da conformidade, pois traz uma visão técnica e imparcial ao programa e promove melhorias constantes em nosso sistema.

Adicionalmente, temos a chance de discutir as tendências mundiais e boas práticas já existentes em outros esquemas de certificação e ensaios.

Abrac – Quais são as experiências que trará para a vice-presidência de Laboratórios?

Thiago Doretto – Tive o prazer de acompanhar a construção e acreditação de dois grandes laboratórios da área elétrica no Brasil, bem como, conhecer laboratórios do grupo da SGS em vários países. Espero poder contribuir com a minha experiência para enriquecer as discussões e projetos ao lado da Associação.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Abrac