“Oferecer contato com Abrac, ABNT e Inmetro aos nossos estudantes é uma satisfação, pois são instituições de grande prestígio”

Pró-reitor do Centro Universitário Dinâmica das Cataratas (UDC), Fábio Hauagge do Prado, comentou sobre a Instituição ser a primeira do Brasil a oferecer a disciplina optativa de Sistema de Infraestrutura da Qualidade.

A Associação Brasileira de Avaliação da Conformidade (Abrac) entrevistou o pró-reitor do Centro Universitário Dinâmica das Cataratas (UDC), Fábio Hauagge do Prado, que comentou sobre a Instituição ser a primeira do Brasil a oferecer a disciplina optativa de Sistema de Infraestrutura da Qualidade em parceria com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

Prado é engenheiro civil pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná, mestre em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina, doutor em Engenharia Civil pela Università Degli Studi Roma Tre (Itália) e revalidado pela Universidade Federal de São Carlos em Engenharia Urbana, e diretor-geral do Colégio Caesp e Anglo Americano. Além disso, é coordenador da Comissão de Estudo Especial de Serviços Educacionais e Aprendizagem da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e conselheiro do Programa de Criatividade e Empreendedorismo da Universidade de Harvard.

Leia a entrevista na íntegra.

Abrac – No mês de março, a UDC passou a ser a primeira Instituição brasileira de ensino a oferecer a disciplina optativa de Sistema de Infraestrutura da Qualidade em parceria com o Inmetro e a ABNT. De onde surgiu a ideia de disponibilizar essa matéria?

Fabio Hauagge do Prado – Quando estiveram na UDC em 2021 para uma palestra, o presidente do Inmetro, Marcos Heleno Guerson de Oliveira Junior, e o presidente da ABNT, Mario Willian Esper, nos propuseram o desafio de implementar a disciplina. A UDC abraçou essa ideia com a velocidade e a flexibilidade que é possível no setor privado, rapidamente moldamos a disciplina com nosso corpo docente e aplicamos nos nossos cursos de engenharia, arquitetura e agronomia em Foz e Medianeira. Seguir a orientação dos bons líderes dá certo.

Abrac – A disciplina está disponível nos cursos de engenharia, arquitetura e agronomia da UDC. Como tem sido o interesse dos alunos nesse tema?

Fabio Hauagge do Prado – Foi um sucesso imediato. Oferecemos o Sistema de Infraestrutura da Qualidade como uma disciplina optativa, mas já na primeira oferta o número de matrículas foi tão grande que tivemos que dividir a turma. Os estudantes estão muito atentos à atualidade do assunto e sabem que o tema é pauta importante nas grandes discussões de planejamento no âmbito nacional e internacional. São mais de 100 alunos cursando a disciplina.

Abrac – Qual o objetivo de disponibilizar a disciplina de Sistema de Infraestrutura da Qualidade para os alunos da UDC?

Fabio Hauagge do Prado – Essa é uma forma de melhorar, transmitir conhecimento, transformar com pioneirismo, qualidade, seriedade e inovação. Salientamos que de todo o Brasil, a primeira instituição a oferecer esse tema tão importante para o desenvolvimento do país é a UDC. Está em discussão uma política nacional da infraestrutura da qualidade, então, quando essa política estiver implementada e já iniciar uma documentação, por exemplo, nossos alunos estarão a frente, pois estarão preparados com a qualidade que vem junto com o selo da ABNT e Inmetro.

Abrac – A parceria da UDC com entidades de avaliação da conformidade, metrologia e normalização não é uma novidade. Como avalia a importância do trabalho conjunto com Abrac, ABNT e Inmetro?

Fabio Hauagge do Prado – A UDC investe sempre em conhecimento de alta qualidade e alta performance. Como engenheiro fico muito feliz em ter esse conjunto de entidades tão representativas, trabalhando de forma que nossos alunos podem absorver o conhecimento, a expertise, a qualidade e principalmente a confiança que elas refletem. Oferecer contato com Abrac, ABNT e Inmetro aos nossos estudantes é uma satisfação, pois são instituições de grande prestígio.

Abrac – Também em março, foi lançado o Laboratório de Infraestrutura da Qualidade em Foz do Iguaçu (PR). Qual será a participação da UDC nesse projeto?

Fabio Hauagge do Prado – No Laboratório de Infraestrutura da Qualidade, empresas que desenvolvem soluções para cidades inteligentes terão acesso aos estudantes e professores de Engenharia da UDC que participarão das atividades no Laboratório e que poderão orientar e trabalhar conjuntamente em questões relacionadas à metrologia, às normas técnicas e à avaliação da conformidade. O relacionamento entre a Academia UDC e a sociedade é muito forte.

Fonte: Assessoria de imprensa da Abrac